terça-feira, julho 19, 2005

O falhanço da Matemática: (n)o EXAME!

Hoje apetece-me ser politicamente SUPER-incorrecta!!!
A
(mais, até, do que é costume... ;o))
A
Ora vejamos...



A
Quantos Professores de Matemática há em Portugal? Imensos!... certo?
A
(...de acordo com as listas de colocação de Professores do M.E. dos últimos anos...
em excesso!!!
Mas isto,... é outra história!
Ficará para "segundas núpcias"!...)
A
Quantos destes Professores leccionaram este ano o 9º Ano? Será justo dizer... 1/3?
A
(...estimando por baixo!)
A
Mesmo assim, continuam a ser imensos!... certo, novamente?
A
Quantos alunos foram "Admitidos a Exame" e realizaram este ano o Exame de Matemática do 9º Ano?
A
Ainda mais do que os Professores!!! Mais do que os imensos já considerados! E, em conjunto, já somos... uma multidão! Outra vez certo! Certo?
A
O.K.! Chegámos ao ponto que eu queria!
A
Segundo a análise de uns e outros... somos uma multidão de incompetentes!!! Pelo menos, 7 em cada 10 dos alunos e os respectivos Professores!
A
Enfim... uma cambada de falhados!!!
A
Acham isto uma análise justa para a situação? Sinceramente... não me parece!...
A
Então, lanço aqui o desafio:
A
. Onde começa o falhanço?
A
Aqui ficam algumas pistas:
A
- pode ser no desacordo entre as orientações pedagógicas objectivas impostas como Programas Curriculares pelo M.E. (há mais tempo do que esta reforma e nunca alteradas/revistas) para o Ensino Básico em geral (e para a Matemática em particular) e as avaliações pretendidas pelo exame;
A
- pode ser na própria construção do exame em si e o que era pretendido com ela;
A
- pode ser na forma completamente desfazada que a filosofia deste tipo de avaliação impõe, face à filosofia actual do Ensino Básico;
A
- pode ser...
A
"Lancem" mais !!!
A
(Quanto a mim, o grande falhanço é mesmo e só... o próprio exame!
Depois da análise que fiz à situação da "minha" escola,
muito dificilmente me irão convencer do contrário, mas...
TENTEM!!!)
AA
;o) The LBug

5 Comments:

Blogger Cecília said...

Cheguei aqui a partir do 'Inquietações Pedagógicas'. Também sou prof de matemática e achei muito interessante o seu ponto de vista. Porém, não concordo com a sua conclusão. O insucesso na disciplina de matemática é um facto e há, pelo menos, que diminuí-lo, mas o exame não traz nada de novo e não resolve problema nenhum.

20/7/05 01:58  
Anonymous IC said...

Não lanço mais porque só agora cheguei aqui, através do outroolhar, e já fiz pausa na discussão sobre os exames de Matemática. Mas penso que muita discussão se fará de novo (ensino/aprendizagem da Matemática e não só... muito mais...) em Setembro :)
Isabel Campeão (prof. de mat)

21/7/05 00:03  
Blogger The LBug said...

Obrigada, Cecília e Isabel! :o)

Voltem SEMPRE!!! E estejam à vontade para comentar, sugerir, participar,...

Há sempre lugar para mais um nesta mesa redonda! ;o)

;o) The LBug

21/7/05 00:13  
Blogger Rui said...

No Inquietações vem uma análise do exame que vai ao encontro das tuas ideias. Fiquei de boca aberta com os erros detectados.

21/7/05 17:27  
Blogger The LBug said...

Pois...

Apesar de ter publicado este post dia 19/07 e a análise do João Rangel de Lima ter sido publicada na Capital no dia 17/07 (dois dias antes, portanto) foi mera coincidência!...

O que me levou a dizer tudo isto foram as conclusões que (já) pude tirar do estudo estatístico de que fui incumbida como tarefa de férias e que terminou no dia 19/07.

Mas, ao contrário de ti, não fiquei tão surpreendida assim com os erros detectados.

Aliás, muitos deles, já tinham sido referidos por nós em conversa, tais como: a questão em que é suposto os alunos utilizarem o valor de "pi" que se encontra no formulário estrategicamente colocado no fim (devo relembrar que no exame-modelo, o mesmo encontrava-se no início!); o problema envolvendo volumes de sólidos, onde se pede uma competência que não vem expressa de forma objectiva no programa de Matemática nem nas competências essenciais do "Currículo Nacional do Ensino Básico"; ...

Portanto, nada assim tão surpreendente...

O que me surpreende é de repente constatar que houve intencionalidade para que os resultados dos exames de Português e de Matemática fossem estes!

Só ainda não consegui perceber qual o objectivo concreto desta tradução da absurda, enganosa e manipuladora da realidade.

;o) The LBug

21/7/05 23:21  

Enviar um comentário

<< Home